Quem Somos

A Escola Ibero-Americana nasce da vontade de um grupo de Profissionais das Industrias Criativas, em colocar a sua experiência e conhecimento dos mercados Ibero-americanos, ao serviço da comunidade global, através de uma plataforma de orientação interdisciplinar voltada para o intercâmbio científico e cultural com a América Latina, o Caribe, a Espanha e Portugal. Tendo em conta o desenvolvimento e crescimento da nomeada Economia Criativa no mundo e o potencial desta Industria nas regiões Ibero-americanas.

A Escola Ibero-americana é uma escola de formação e desenvolvimento cientifico e cultural no setor das Indústrias Criativas que oferece ferramentas para quem quer atuar, gerir ou empreender na Economia Criativa.

A Escola Ibero-americana, tem um modelo de ensino assente na preparação do aluno para o mercado de trabalho, fomentando a criatividade e práticas de empreendedorismo, colocando os formandos em contacto direto com o mercado. Pretendemos contribuir para a construção de um modelo contemporâneo de educação, fomentando a construção de redes profissionais e promovendo, assim, a iniciativa individual e a interatividade coletiva a cada momento da formação.

Indústrias Criativas

O atual conceito de Indústrias Criativas nasceu na Austrália no início da década de 90 e ganhou impulso quando o governo inglês, no fim dessa mesma década, promoveu de forma estruturada um plano de desenvolvimento estratégico para as 13 áreas das Indústrias Criativas.

São estes os 13 setores, nos quais a Escola Ibero-americana se dedica a formar profissionais:

Publicidade | Arquitetura | Artes e Antiguidades | Artesanato | Design | Moda |Cinema e Vídeo | Música | Artes Cênicas | Editorial (Revistas, Livros, Jornais, Web) | Softwares de educação e lazer | Rádio | TV

Direção:

João Miguel Mesquita – Presidente

Bruno Ribeiro – Vice-Presidente

João Paulo Couto – Vice-Presidente LATAM

Conselho Pedagógico:

Coordenadora – Rute Gomes

Economia Criativa – Catarina Nunes

Sociologia e Humanidades – Fernando Sousa Silva

Direito – Carlos Matias

Gestão – José Carlos Faria e Matos

Tecnologias – Nuno Lopes